Base da Filosofia

http://www.facebook.com/wellingtonsversut

Filosofia das Ciências - Missão 01 - Galileu - a experimentação

Ler de modo filosófico textos de diferentes estruturas e registros (PCNs, página 64)


Nessa cena do filme "Galileo" podemos ver a diferença entre método indutivo de raciocínio e método dedutivo. Os amigos de Galileo estão pensando através do método dedutivo, pois eles estão usando as leis gerais de Aristóteles e tentando aplicar a um elemento específico, nesse caso a flutuação do gelo e da agulha na água. Já Galileo está utilizando o método indutivo, pois, a partir de algumas experiências, está elaborando uma nova lei geral e quebrando as teses de Aristóteles.

Galileo é considerado o pai do conhecimento científico, pois ele foi o primeiro a estabelecer método e critérios para a realização de uma experiência que tenha o intuito de comprovar uma hipótese. 


Enviado por em 05/06/2009

Filosofia: das Ciências
Tema: Ciência e Fé
Questões Centrais: Pode existir oposição entre ciência e fé? Qual é a linguagem das ciências?
Filósofo: Galileu (1564 – 1642)
Obras: Carta a Benedetto Castelli / O Ensaísta (1623)

Biografia

Galileu Galilei (1564 – 1642), é considerado um dos criadores da ciência moderna. Sua crítica ao sistema geocêntrico e sua defesa da astronomia de Copérnico abriram caminho para o desenvolvimento da moderna física e da astronomia. Galileu defendeu o uso da matemática como linguagem da física, estabelecendo assim um novo método para a ciência natural.  

Ler textos filosóficos de modo significativo (PCNs)

Carta a Bemedetto Castelli

Quanto à questão geral levantada pela Sereníssima Senhora, parece-me que muito prudentemente ela tenha afirmado... que as Sagradas Escrituras não podem nunca mentir ou se enganar, sendo sua proposição absoluta e inviolável verdade.Eu só teria acrescentado que, se bem que as Escrituras não possam enganar-se, não se pode excluir o caso de se enganarem alguns de seus intérpretes e comentadores, de diversas maneiras.
Entre essas maneiras haveria uma muito grave e freqüente: querer ater-se ao significado literal das palavras. (...)
Sou de opinião que a autoridade das Sagradas Escrituras tenha se colocado como único objetivo persuadir os homens acerca de questões que, sendo necessárias à salvação e transcendendo as possibilidades da linguagem humana, não podiam, por outro saber ou outro meio, se mostrar críveis senão pela boca do próprio Espírito Santo.

O Ensaísta (1623)

Tenho a impressão de identificar em Sarsi a firme crença de que, para filosofar, é preciso apoiar-se nas opiniões de algum autor célebre, de modo que se a nossa mente não se casasse com o discurso de outra tivesse que permanecer estéril e infecunda; e talvez imagine que a filosofia seja um livro, uma fantasia de um homem, como a Ilíada e o Orlando Furioso, em que a coisa menos importante é se o que está escrito neles é real.
Senhor Sarsi, as coisas não são bem assim. A filosofia é escrita neste grandíssimo livro que permanentemente está aberto diante de nossos olhos (falo do universo), mas que não pode ser entendido sem que antes se aprenda a sua língua e se conheçam os caracteres com os quais é escrito.
Este livro, a natureza, é escrito em língua matemática, e os caracteres são os triângulos, círculos e outras figuras geométricas, sem as quais é humanamente impossível entender uma palavra sequer; sem elas, é como perambular inutilmente em um labirinto escuro.

Dicionário Filosófico

Hermenêutica – Termo originalmente teológico, designando a metodologia própria à interpretação da Bíblia. O termo passou depois a designar todo esforço de interpretação científica de um texto difícil que exige uma explicação.

Experimento – O experimento científico realiza-se em laboratório e tenta responder a uma questão precisa. Recorre a instrumentos e aparatos técnicos, pode ser repetido em qualquer lugar e por qualquer pessoa, e não depende absolutamente da qualidade humana do experimentador.

Autoridade – É o prestígio reconhecido do autor de um texto. No período medieval havia a seguinte hierarquia: a Bíblia e os Evangelhos; obras dos Pais da Igreja; os textos dos grandes filósofos gregos.

Elaborar por escrito o que foi apropriado de modo reflexivo (PCNs)

1 – Quem são as pessoas que podem enganar-se quanto à verdade da Bíblia?
2 – Qual o erro mais grave na interpretação da Bíblia?
3 – Dê um exemplo bíblico onde poderíamos fazer uma interpretação em linguagem figurada.
4 – Qual seria o único objetivo das Sagradas Escrituras?
                (   ) questões necessárias ao conhecimento (filosóficas e científicas)
                (   ) questões necessárias à salvação (éticas e religiosas)
                (   ) questões necessárias à sensação (estéticas e sublimes)
5 – Coloque verdadeiro (V) ou Falso (F) nas seguintes descobertas astronômicas de Galileu que não estão na Bíblia e nem nos escritos de Aristóteles:
                (   ) A descoberta de montanhas na Lua;
                (   ) A descoberta de quatro luas em Júpiter: Io, Europa, Calisto e Ganimedes;
                (   ) A descoberta que Vênus tinha fases como a Lua: cheia, minguante, nova e crescente.
                (   ) A descoberta de que o Sol possui manchas.
6 – O que Galileu critica em Sarsi?
                (   ) o princípio da ignorância
                (   ) o princípio da autoridade
                (   ) o princípio da fé
7 – Qual é a linguagem da natureza?
8 – Qual a analogia feita por Galileu para quem não sabe matemática?
9 – O que é hermenêutica?
10 – O que é um experimento científico?
11 – O que é autoridade?
12 – Qual é a hierarquia da autoridade no período medieval?
13 - Um dois experimento mais belo da física teria sido realizado por Galileu na torre de Pisa. Embora, de acordo com o historiador Alexandre Koyré, isso não passa de uma lenda, é interessante discutir o que pretendia Galileu com este tipo de experiência. O principal objetivo de Galileu era combater a hipótese de Aristóteles, segundo a qual a velocidade de queda de um corpo é proporcional a seu peso. Para Galileu, o peso não deveria ter qualquer influência na velocidade de queda. A comprovação seria simples: bastava jogar do alto da torre corpos com diferentes pesos e medir o tempo de queda. Há relatos na literatura de que bolas de 10 gramas e de 1 grama teriam sido lançadas, todas chegando ao solo ao mesmo tempo. Isso poderia ser facilmente observado se não houvesse a resistência do ar e outros fatores, como a forma e o material dos corpos lançados. Na verdade, a afirmação "todas chegando ao solo ao mesmo tempo" só seria rigorosamente verdadeira se a experiência fosse realizada no vácuo.
http://www.if.ufrgs.br/tex/fis142/fismod/mod06/m_s06.html#exp02


Brian Cox - Human Universe: Episode 4 - BBC

Galileu versus Aristóteles
a) O que os acadêmicos aristotélicos acreditavam que iria ocorrer?
(   ) apostavam na vitória da bala de canhão e na derrota do cientista (Galileu)
(   ) apostavam na vitória da bala de mosquete (penas) e na derrota da teoria aristotélica
b) Porém, o que de fato ocorreu?
(  ) os corpos chegaram em tempos distintos, primeiro a bala de canhão seguida pela de mosquete (penas)
(   ) os corpos chegaram rigorosamente juntos ao chão
14 - (ENEM 2014) A filosofia encontra-se escrita neste grande livro que continuamente se abre perante nossos olhos (isto é, o universo), que não se pode compreender antes de entender a língua e conhecer os caracteres com os quais está escrito. Ele está escrito em língua matemática, os caracteres são triângulos, circunferências e outras figuras geométricas, sem cujos meios é impossível entender humanamente as palavras; sem eles, vagamos perdidos dentro de um obscuro labirinto.
GALILEI, G. “O ensaiador”. Os pensadores. São Paulo: Abril Cultural, 1978.
No contexto da Revolução Científica do século XVII, assumir a posição de Galileu significava defender a
a) continuidade do vínculo entre ciência e fé dominante na Idade Média. 
b) necessidade de o estudo linguístico ser acompanhado do exame matemático. 
c) oposição da nova física quantitativa aos pressupostos da filosofia escolástica. 
d) importância da independência da investigação científica pretendida pela Igreja. 
e) inadequação da matemática para elaborar uma explicação racional da natureza.

Hora Certa

Total de visualizações de página